Home

2212.00086

A guerra, iniciada entre as nações europeias que lutavam entre si pela hegemonia no plano militar e económico, degenerou rapidamente em conflito mundial, que arruinou a Europa e provocou a decadência do poderio europeu no Mundo.
O instável equilíbrio europeu criou-se com a formação, de um lado, a Tríplice Aliança, formada pela Alemanha, Áustria-Hungria e Itália, e do outro, o Tríplice Entendimento, que agrupava a Grã-Bretanha, a França e a Rússia. O conflito acabaria por ser desencadeado pelo assassínio do arquiduque Francisco Fernando de Áustria e de sua mulher em Sarajevo, na Bósnia, em 28 de Junho de 1914, pelo estudante sérvio G. Prinzip. Embora não se tivesse provado qualquer responsabilidade da Sérvia no atentado, a Áustria, tornando-o como pretexto, decidiu realizar uma acção punitiva contra ela, no contexto de diferendos que há muito existiam entre os dois Estados.
O imperador da Áustria, Francisco José, com o beneplácito de Guilherme II, imperador da Alemanha, decide enviar à Sérvia um ultimato (23 de Julho) humilhante e praticamente inaceitável. Apesar disso, os Sérvios responderam de forma conciliadora, apenas rejeitando a entrada de tropas austro-húngaras no seu território. Porém, a Áustria declara guerra à Sérvia em 28 de Julho, e ataca no dia seguinte. O Kaiser (o imperador alemão), perante a possibilidade iminente de generalização da guerra, chegou a oferecer-se como mediador da paz, mas tal não impediu a mobilização russa, no último dia de Julho, nem a alemã e a francesa, que tiveram lugar no primeiro dia de Agosto. Nesse mesmo dia, a Alemanha declarou guerra à Rússia e, dois dias depois, à França, e, três dias depois, a Grã-Bretanha declara guerra à Alemanha.
Mas as causas profundas da guerra devem ser procuradas no plano económico e estão ligadas ao rápido desenvolvimento trazido pelo progresso técnico à Alemanha, recentemente unificada. Sequiosa de expansão, nomeadamente no domínio colonial, a Alemanha preparou-se meticulosamente para ampliar o seu território pela força. Convencido de que a guerra terminaria em seu proveito por uma vitória fulgurante, Guilherme II não se interessou verdadeiramente pela solução pacífica do conflito austro-sérvio. Em França, o desejo de desforra e de reconquista da Alsácia-Lorena foi exacerbado por um recrudescimento de nacionalismo, e ninguém protestou contra a guerra.
Dos dois grupos aliados, só a Itália não entrou imediatamente na guerra, e quando o fez (em Maio de 1915), tomou partido contra a Áustria, alinhando ao lado dos Aliados do Entendimento.
Os Estados que vieram a envolver-se no conflito foram, do lado dos chamados Aliados – Bélgica, Brasil, China, Costa Rica, Cuba, EUA, França, Grã-Bretanha, Grécia, Haiti, Honduras, Itália, Japão, Libéria, Montenegro, Nicarágua, Panamá, Portugal, Roménia, Rússia, São Marino e Sérvia; e do lado dos chamados Impérios Centrais – Alemanha, Áustria-Hungria, Bulgária e Império Otomano (Turquia). A Grande Guerra, mais tarde chamada I Guerra Mundial que arruinou a Europa e provocou a decadência do poderio europeu no Mundo.

País

Mortos

Feridos

Desap.

Total

África

10.000

10.000

Austrália

58.150

152.170

210.320

Áustria-Hungria

922.000

3.600.000

855.283

5.377.283

Bélgica

44.000

450.000

494.000

Grã-Bretanha

658.700

2.032.150

359.150

3.050.000

Bulgária

87.500

152.390

27.029

266.919

Canadá

56.500

149.700

206.200

Caraíbas

1.000

3.000

4.000

França

1.359.000

4.200.000

361.650

5.920.650

Alemanha

1.600.000

4.065.000

103.000

5.768.000

Grécia

5.000

21.000

1.000

27.000

Índia

43.200

65.175

5.875

114.250

Itália

689.000

959.100

1.424.660

Japão

300

907

3

1.210

Montenegro

3.000

10.000

7.000

20.000

Nova Zelândia

16.130

40.750

56.880

Portugal

7.222

13.751

12.318

33.291

Roménia

335.706

120.000

80.000

535.706

Rússia

1.700.000

5.000.000

6.700.000

Sérvia

45.000

133.148

152.958

331.106

South Africa

7,000

12,000

19,000

Turkey

250,000

400,000

650,000

USA

58,480

189,955

14,290

262,725

Após cinco anos de guerra terrível, que os números acima ilustram bem, e após a entrada dos EUA na guerra as forças aliadas lançaram uma ofensiva geral, fazendo as tropas alemãs recuarem até ao Moser, onde Foch tencionava atacá-las. Nos Balcãs, Franceses e Sérvios rompem a frente da Bulgária, que assina um armistício em Setembro de 1918. Em Itália, o general Diaz rompe em Outubro as linhas inimigas em Vittorio Venero.
Depois da Bulgária, a Turquia concluiu um armistício em Mudros (Outubro). A Áustria (3 de Novembro de 1918) assinou a paz com a Itália. O Império Austro­Húngaro desmoronou-se, Carlos I abdicou e a República foi proclamada na Áustria. Na Alemanha, onde grassava a revolução, o Kaiser viu-se obrigado a abdicar, emigrando para a Holanda. A 11 de Novembro, os plenipotenciários alemães assinaram o armistício em Rethondes (perto de Compiègne), com Foch e o almirante inglês Wemyss, no comboio especial utilizado como Quartel-General.
A paz seria finalmente assinada com a Alemanha, em Versalhes (28.6.1919); com a Bulgária, em Neuilly (1919); com a Áustria, em Saint ­Germain-en-Laye (1919); com a Hungria, no Trianon (1920); e com a Turquia, em Sèvres (1920).
As potências derrotadas sofreram, todas elas, perdas territoriais. A Alemanha ficou sem as colónias e teve de ceder territórios a boa parte dos países vizinhos. Acabou a monarquia dos Habsburgos com a desagregação do Império Austro-Húngaro: a Áustria perdeu os territórios de língua alemã e a Hungria ficou sem a sua população não magiar, transformando-se as duas nações em pequenas repúblicas. A Bulgária teve de entregar territórios seus à Grécia e à Jugoslávia. A Turquia ficou quase totalmente reduzida a território asiático, apenas retendo, na Europa, Constantinopla e a Trácia Oriental. Além das perdas territoriais, os países derrotados ficaram desarmados e, à excepção da Áustria, sujeitos a pesadíssimas reparações de guerra.

Ver  I Guerra Mundial ano a ano
Ver Corpo Expedicionário Português
Ver Tratado de Versalhes
Um bom acervo de informações, mapas, fotografias, cartazes, batalhas e outras aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s